FANDOM


Arquivo:Pyramid.jpg

A Grande Pirâmide de Meereen possui duzentos e cinquenta metros de altura, [1][2] desde sua enorme base quadrada até o cume. [3] Uma grande harpia de bronze ficava sobre seu topo. [1]

InformaçõesEditar

A Grande Pirâmide fora construída como uma cópia da Grande Pirâmide de Ghis, cujas colossais ruínas Lomas Longstrider visitara certa vez. [4] Como a antiga predecessora, a Pirâmide possui trinta-e-três andares, número que é de alguma forma sagrado aos deuses de Ghis". [4] Meereen possui uma vintena de pirâmides menores, mas nenhuma chega sequer à metade de sua altura. [5]

As fundações da pirâmide são massivas e espessas, para suportar o peso da enorme estrutura em seu topo. As muralhas interiores são três vezes mais espessas do que as muralhas de qualquer castelo. Porém, Viserion conseguiu escavar um buraco nas paredes, para servir como um lugar de descanso para si mesmo - seu equivalente à uma toca de dragão. [6] As muralhas exteriores possuem mais de 9 metros de espessura; [7] elas abafam o tumulto das ruas, e mantêm o calor fora da pirâmide. Consequentemente, o interior da pirâmide é fresco e escuro. É sempre sombrio dentro da base da Grande Pirâmide. [8]

É uma longa descida desde o topo até o térreo. A escada de serviço é escondida entre as grossas paredes de tijolos, e seus degraus são mais estreitos, íngremes e retos do que os da grande escadaria de mármore raiado. [4] Sor Barristan Selmy sobe a Grande Pirâmide cinco ou seis vezes ao dia para resolver assuntos da rainha, o deixando com dores em seus joelhos e costas. Ele teme que, um dia, não conseguirá mais fazer a subida. [9]

As portas principais da pirâmide são fechadas e lacradas ao pôr do sol. [9]

Após o Cerco de Meereen, a Rainha Daenerys Targaryen toma a Grande Pirâmide como sua sede. Seu PDV nota, inicialmente, que a Harpia de bronze não está mais no topo da pirâmide, mas não menciona quando ela fora removida ou destruída. Ela, depois, se lembra de ter mandado derrubarem a Harpia. [5] Selmy, mais tarde, constrói um farol no topo da pirâmide, onde antes estava a Harpia. Ele é feito de lenha seca embebida em óleo, e coberto para manter a chuva afastada. Ele pretendia acender o farol, e suas chamas seriam o sinal para sair pelos portões e atacar os inimigos. [10]

EstruturaEditar

CumeEditar

Daenerys Targaryen mantém seus aposentos privados (ou aposentos da rainha) no cume da pirâmide, no andar mais alto. Seus aposentos são cercados de folhagens e piscinas perfumadas. [3] Ele possui baixos parapeitos de tijolo. Irri divide, ocasionalmente, a cama principal com Daenerys, principalmente após seus encontros sexuais. Jhiqui e Missandei parecem possuir suas próprias camas no aposento. [5]

O quarto de Sor Barristan Selmy, originalmente alojamento de escravos, é uma pequena cela do lado de fora dos aposentos da rainha; seus móveis consistem em uma cama, um penico, um armário para as roupas e uma cadeira se quisesse se sentar. Na mesa ao lado da cama, ele mantém uma vela de cera de abelha e uma pequena escultura do Guerreiro. [11]

Existe um terraço ajardinado no cume. Do terraço, Daenerys tem uma vista de toda a cidade de Meereen, e seus arredores. Incluindo o Templo das Graças, o rio Skahazadhan, [3] , o "mar de peltre", as secas colinas marrons, os pomares e campos da cidade, e as arenas de luta. [5] O jardim é diretamente conectado aos seus aposentos pelas portas do terraço, a permitindo se dirigir ao terraço durante a noite. Ela gosta da sensação da relva entre seus dedos do pé. [5] Um caquizeiro serve como o local favorito dos pássaros. [5] O terraço possui uma piscina, onde Daenerys se banha, em sua água fria, enquanto pequenos peixes mordiscam seus braços e pernas. [7] O caquizeiro é visível da piscina. Enquanto se banhava, Dany teve uma visão de Quaithe, sob o pé de caqui. [7]

Os dragões de Dany sabem onde ela vive. Ela encontra Viserion no terraço, enroscado em uma pereira, com a cabeça apoiada na sua cauda. [3] Rhaegal é capturado no terraço enquanto se aquecia no sol. [7] Drogon gostava de se aquecer no sol no cume da Grande Pirâmide, quando estava saciado. [7]

Após o desaparecimento de Dany com Drogon, Irri e Jhiqui continuam a habitar os aposentos reais, até que elas deixam Meereen com a maioria do khalasar de Daenerys. O khalasar foi despachado pelo rio para procurar sua rainha desaparecida. [9] Os copeiros de Daenerys viviam nos aposentos da rainha até que foram realocados para os aposentos de Hizdahr zo Loraq, no coração da Grande Pirâmide. [9] Por um tempo, Sor Barristan, agora Mão da Rainha, e Missandei permanecem como únicos ocupantes do cume, Missandei nos aposentos privados, e Sor Barristan em sua pequena cela. Sor Barristan imagina Missandei como um "pequeno fantasma desamparado", assombrando as câmaras reais. [9] Ela se ocupa com a leitura - pilhas de rolos e pergaminhos e livros. Ela pode tê-los trazido para o alto da pirâmide consigo, ou os encontrou no interior da pirâmide, mas suas origens são incertas. [4]

Por ordem de Sor Barristan, o corpo queimado e moribundo do Príncipe Quentyn Martell foi colocado na cama da rainha. [10] A cama estava arruinada - lençóis, colchas, travesseiros, colchões, tudo fedia a sangue e fumaça. Somente Missandei conseguiu suportar ficar ao seu lado, pois a visão do homem era muito forte para os copeiros. [10] Missandei foi a única a atender as necessidades que ele pudesse expressar, dando-lhe água e leite de papoula. [10] Embora Selmy tivesse chamado pelas Graças Azuis, as curadoras oficiais de Meereen, elas nunca apareceram. A situação durou três dias. Missandei anunciou a hora do óbito de Quentyn, e cobriu sua face com uma coberta. Selmy removeu a coberta para dar uma última olhada no corpo. [10] Quando o corpo foi removido, os copeiros retornaram aos aposentos reais. [10]

SalãoEditar

A grandiosa câmara de audiências (ou salão) da rainha fica no piso abaixo de seus aposentos, [5] descendo uma escada de mármore. [3] É uma sala cheia de ecos, de teto elevado e com paredes de mármore roxo. Daenerys achou o lugar "gelado". [5] Altas velas queimam entre os pilares púrpuros de mármore, [12] e Imaculados permanecem de costas para os pilares. [3] Daenerys Targaryen sentava em um simples banco de ébano, o qual ela tomou como seu trono. [5][3] O salão também possui um terraço inferior. Ele e seu jardim foram usado por Daenerys e Hizdahr para entreter os representantes de Yunkai. O jardim possui limoeiros e flores noturnas. [13]

Não existe registro do antigo uso do salão. No entanto, um trono permanecia lá antes de sua ocupação da Pirâmide. O trono era "uma coisa fantástica de madeira esculpida e dourada, com a forma de uma harpia selvagem". Daenerys se recusou a usar o "colo da harpia" como um trono, e fez com que ele fosse transformado em lenha. O banco de ébano foi de sua própria escolha, embora os Meereeneses tivessem considerado-o inadequado para uma rainha. [5] Daenerys encontrava-se passando longas horas no banco, ouvindo vários peticionários e representantes oficiais. Ela sentia suas nádegas ficarem dormentes de tanto ficar sentada. Ela brincou com Barristan Selmy, dizendo que tinha "conselheiros demais e almofadas de menos". [3] Selmy tomou a piada literalmente, e adicionou uma pilha de almofadas de cetim ao banco de ébano. A visão trouxe um leve sorriso aos lábios de Dany. [7]

Com o sumiço de Daenerys, seu consorte e co-governante Hizdahr zo Loraq tomou a câmara de audiências, substituindo o banco de ébano por dois imponentes tronos de madeira dourada, com os altos encostos esculpidos com o formato de dragões. Ele escolheu sentar-se no trono da direita, deixando o segundo trono vazio para Daenerys, caso ela retornasse. [11] Selmy imaginou o novo trono como a "cadeira do dragão". [11] Selmy, eventualmente, depôs Hizdahr em um golpe de estado, e foi proclamado Mão da Rainha, governando em nome da desaparecida Daenerys. Ele decidiu remover os tronos de dragão do salão, mas não trouxera de volta o banco de ébano; ao invés disso, ele os substituíra com uma larga mesa redonda, colocada no centro do salão, com altas cadeiras ao seu redor, onde o conselho governante de Meereen podia se sentar e conversar como pares. [10] Selmy se recusou a dar audiências ou receber peticionários até que Daenerys retornasse. [10]

Os trinta-e-três andaresEditar

A Grande Pirâmide possui trinta-e-três andares, um número sagrado para os Deuses de Ghis. [4]

De acordo com sua posição social, foi dado a Quentyn Martell aposentos no interior da Grande Pirâmide, dois andares abaixo do cume, uma linda suíte de quartos, com sua própria latrina e terraço murado. Seus companheiros, Gerris Drinkwater e Archibald Yronwood, podem ter dividido os quartos com ele. No mínimo, Drinkwater mencionou-os como "nossos apartamentos", e apontou que suas armas, armaduras, e a maioria de seu dinheiro estavam nestes quartos. [11] Quando Barristan Selmy notou Hizdahr franzindo em direção a Quentyn e sussurrando no ouvido de seu primo, Marghaz zo Loraq, ele temeu pela vida do jovem príncipe. Logo depois, aconselhou os Dorneses a fugir rapidamente da Pirâmide, evitando que retornassem para seus aposentos. [11] Os Dorneses ainda moravam na Pirâmide quando começaram a conspirar com seus antigos camaradas Soprados pelo Vento, embora Drinkwater quisesse seguir o conselho de Selmy: "Quando Barristan, o Ousado, diz para fugir, um homem sábio calça as botas". [14] Denzo D'han entregou uma mensagem à porta dos aposentos de Quentyn, dizendo para se encontrarem com o Príncipe Esfarrapado na Lótus Púrpura. [14] É incerto se o trio continuava morando na Pirâmide quando eles tentaram domar Rhaegal e Viserion. Antes da missão, Yronwood viu a chuva caindo no terraço de seus quartos, mas o texto não especifica se os ditos quartos e terraço são os da Pirâmide. [6]

Os aposentos de Reznak mo Reznak estão no segundo andar. [9] De acordo com os planos de Selmy e Skahaz mo Kandaq, Reznak permaneceria em custódia até que pudessem ter certeza de sua lealdade. Não se sabe se ele seria confinado em seus quartos, ou transferido para uma cela. [4] O arsenal também se localiza no segundo andar, com estantes de lanças, feixes de setas e paredes onde estão pendurados troféus de batalhas esquecidas. Skahaz mo Kandaq e Sor Barristan Selmy se encontraram lá antes de prender Hizdahr. [4]

No terceiro andar, fica o salão de treinamento onde Sor Barristan trabalhava com seus meninos, ensinando-os as artes da espada, escudo, cavalo, lança e cavaleirismo. Todos os alunos tinham entre oito e vinte anos. Selmy começou com mais de sessenta alunos, mas apenas menos da metade conseguiram passar pelo rigoroso treinamento. [9]

CoraçãoEditar

Massivas paredes de tijolo cercam uma suíte de quartos no coração da pirâmide, nos décimo-sexto e décimo-sétimo andares. [9][4] Hizdahr zo Loraq e os copeiros de Daenerys tomaram residência aqui durante a ausência de Daenerys. [9] Os aposentos do rei são escuros e sem janelas, cercados por todos os lados por paredes de tijolos de dois metros e meio de espessura. Grandes pilares de carvalho negro suportam os altos tetos. [4]

Os aposentos do rei possuem portas de madeira entalhas com um buraco deslizante, e são barradas por dentro. [4] O chão é coberto com tapetes de seda de Qarth. Nas paaredes, estão tapeçarias de valor inestimável, antigas e muito desbotadas, representando a glória do Antigo Império de Ghis. A maior delas mostra os últimos sobreviventes de um derrotado exército valiriano, sendo subjugados e acorrentados. [4] A arcada que conduz ao quarto de dormir real é guardada por um par de amantes de sândalo, moldados, polidos e envernizados; Sor Barristan os achou de mau gosto. [4]

Quando Selmy entrou nos quartos reais para prender Hizdahr, um braseiro de ferro fornecia a única luz. [4] Neles, existe um banco usado por visitantes a uma curta distância do quarto de dormir. Uma fina e quase transparente cortina de seda fica na entrada da arcada que leva ao quarto de dormir. Ela permite que uma pessoa examine seus visitantes sem sair para encontrá-los, mas oferece pouca proteção contra olhos atentos. [4]

Perto do quarto real, existe um aparador onde Hizdahr mantinha um jarro de vinho. Ele descobriu um gosto por dourado da Árvore e tinto doce (possivelmente da Campina), recusando vinho Ghiscari como "mijo amarelo". [4]

BaseEditar

No térreo, a pirâmide é um lugar calmo, cheio de areia e sombras. Dentro das muralhas do térreo, sons ecoam pelos arcos de tijolos de muitas cores, e entre os estábulos, baias e depósitos. [7] Cavalos (incluindo a égua de Daenerys, a Prata), mulas e burros ficam nas muralhas ocidentais, enquanto os elefantes ficam nas orientais. A procissão do casamento de Daenerys se formou no interior dos portões. A procissão foi em direção ao Templo das Graças, incluindo entre seus membros:

Enquanto conspiravam contra Hizdahr, Selmy e Skahaz se encontravam secretamente nos estábulos. Missandei transferia as mensagens entre eles. O local foi escolhido pois os estábulos eram sempre quietos após o pôr do sol. [9]

PoçoEditar

Os Grandes Mestres usaram o poço como uma prisão; ele possui doze metros de profundidade, e é largo suficiente para comportar quinhentos homens. [7]

Para chegar ao poço, é preciso passar sob três arcos maciços, descer uma rampa iluminada com tochas até os salões debaixo da pirâmide, após cisternas, masmorras e câmaras de tortura (onde escravos haviam sido açoitados, esfolados e queimados com ferro em brasa). Finalmente, se chega em duas enormes portas de ferro com dobradiças enferrujadas, fechadas com uma corrente comprida cujos elos são grossos como os braços de um homem. As portas eram inicialmente guardadas por Imaculados, e mais tarde por Bestas de Bronze. [7][6]

Dentro do poço, os dragões de Daenerys Rhaegal e Viserion foram confinados e acorrentados, originalmente ao chão e às paredes. [7][6] Viserion foi o primeiro a conseguir quebrar uma de suas correntes, [15] e então derreteu as outras, enquanto Rhaegal era incapaz de quebrar as suas. [13] Viserion, mais tarde, conseguiu cavar para si uma toca de dragão na muralha. [6] Rhaegal também conseguiu separar sua corrente da muralha, mas não removê-la de seu pescoço. Ele teve que puxar um metro de elos, ainda pendurados em seu pescoço, para poder mover-se pelo poço. Após um certo tempo, as correntes do chão estavam estilhaçadas, tortas, e parcialmente derretidas, indicando que ele imitou, com sucesso, o ato de Viserion para escapar de seus confins; ele apenas precisou de mais tempo para realizar o feito. [6]

Os Imaculados informaram Daenerys que uma vez, as portas de ferro haviam brilhado vermelhas de tão quentes, e ninguém ousou tocar nelas por um dia. [15] Enquanto tentava roubar um dragão, Quentyn Martell viu que as portas de ferro haviam sido prejudicadas pelos dragões tentando sair. O ferro espesso estava rachado e partido em três lugares, e o canto superior da porta esquerda parecia parcialmente derretido. [6] Obviamente, os dragões conheciam o local da saída do poço, e tentaram se soltar antes de serem acidentalmente soltos.

Os dragões, desde então, saíram da Pirâmide, e estabeleceram suas próprias tocas. Rhaegal escolheu a pirâmide negra de Yherizan, e Viserion a pirâmide da Casa de Uhlez. [10]

MasmorrasEditar

Archibald Yronwood e Gerris Drinkwater foram confinados nelas por seus papéis na fuga dos dragões. Barristan Selmy ofereceu-lhes liberdade, caso executassem uma missão para ele, entregando uma mensagem secreta para o Príncipe Esfarrapado. Outros membros dos Soprados pelo Vento, falsos desertores, também estavam aprisionados nas masmorras. Selmy pretendia mandá-los de volta ao Príncipe. [10] Entre os prisioneiros conhecidos estão Orson Stone, Dick Straw, Hugh Hungerford, e Will da Mata. [14]

CitaçõesEditar

Predefinição:Quote - Rainha Daenerys Targaryen, contemplando, no topo da Grande Pirâmide.

Referências e notasEditar

Predefinição:Referências



Nota: Esta página utiliza conteúdo da A Wiki Of Ice And Fire. O conteúdo original está aqui em Great Pyramid. A lista de autores pode ser vista no histórico da página.


Erro de citação: existem marcas <ref>, mas nenhuma marca <references/> foi encontrada

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória